Requisitos do mercado

As plantações têm como objetivo produzir grandes cachos de bananas de classe premium com uma maior vida de prateleira. Na colheita, as bananas destinadas à exportação precisam estar livres de injúrias, manchas e corpos estranhos significativos, como insetos ou poeira. As bananas são classificadas em uma das três classes, ‘Extra’ ‘Classe I’ ou ‘Classe II’ (Tabela 1).

Codex standards for bananas
Banana Market Requirements

Cross section of ‘ridged’ (left) and more mature ‘rounded’ banana.

Os padrões de maturidade variam entre países ou regiões, assim como o tempo de transporte e de conservação do fruto. O fruto é geralmente colhido quando está verde-claro e quando suas pontas passam da forma angular para a arredondada. A colheita muito precoce pode resultar em frutos que perdem peso durante o transporte e que demoram muito tempo para amadurecer. Em contrapartida, a colheita de frutos muito maduros levará à decomposição, ao apodrecimento e à redução do prazo de validade destes.

A banana é colhida totalmente madura para amadurecimento e consumo imediatos em mercados locais. Para a comercialização em áreas próximas, a fruta deve ser colhida 90% madura e, para o transporte a longas distâncias, 75% de maturidade é a norma. 75% de maturidade é quando os dedos estão 3/4 arredondados, isto é, eles ainda têm quinas ao longo do comprimento do fruto, mas a sua superfície é convexa. Vários métodos qualitativos foram desenvolvidos para testar a maturidade como, por exemplo, a proporção entre a polpa e a casca, o índice de firmeza da casca, mas o método de campo melhor e mais prático é a colheita em uma data definida após a floração.

Banana Market Requirements
Banana Market Requirements

Cut mature banana

Uma rápida verificação de campo da maturidade pode ser feita pela imersão de uma banana cortada no iodo. Quanto mais escura ficar a mancha, maior o nível de amido/açúcares. Os cachos são verificados quanto à maturidade na estação de processamento. A polpa e a casca do fruto cortado precisam ser firmes, de modo que a polpa deve ter uma consistência amanteigada cremosa e a casca uma coloração amarela uniforme. A cor das “sementes” deve ser marrom e deve haver escoamento de látex da casca cortada.

Nos trópicos, a data média entre a floração e a colheita varia entre 90 e 115 dias. Desse modo, assim que o fruto se aproximar da data apropriada de maturidade para a região, os cachos devem ser regularmente verificados com relação ao tamanho e forma para determinar a época correta da colheita. Nesse estágio, o fruto é cortado quando o dedo médio na espiral externa da segunda penca estiver com um diâmetro entre 31 e 41mm. Porém, nessa faixa de tamanho, o mercado americano prefere um fruto com um diâmetro um pouco maior do que o europeu.
 A conservação no transporte deve ser a 14,5°C e as condições de temperatura e umidade devem ser rigorosamente monitoradas durante toda a viagem. O amadurecimento ocorre em câmaras refrigeradas com temperaturas entre 14,5 e 18°C e sob condições de umidade controlada geralmente > 85% RH. Os programas de maturação geralmente duram de 4 a 8 dias e visam a produzir um fruto com uma cor de casca consistente e brilhante antes de chegar ao varejo.