Princípios Agronômicos da Cana-de-Açúcar

A cana-de-açúcar (Saccharum officinarum) é originária da Nova Guiné. É uma cultura perene com perfilhamento abundante e produz de 4 a 12 colmos, com altura entre 3 e 5 metros. 
 
Como planta C4, a cana possui uma alta taxa fotossintética, em torno de 150-200% acima da média de outras plantas. O dossel evolui do período de perfilhamento até máximo crescimento. Essa fase de rápido crescimento requer um adequado Programa Nutricional.
Typical Crop Cycle

O primeiro ciclo , cana-planta, é normalmente iniciado pelo plantio de pequenos pedaços de colmos, chamado tolete, e em alguns países também se faz o plantio do colmo inteiro. As gemas germinam para produzir as plântulas e raízes, estabelecendo assim o primeiro ciclo de cana-planta. Em algumas variedades, as raízes se desenvolvem primeiro, ao passo que em outras variedades, a parte aérea se desenvolve primeiro.

A duração do ciclo varia de acordo com o clima e variedade, entre 12 e 24 meses.

Dry Matter Production Plant and Ratoon Crop

Após a colheita da cana-planta, uma série de ciclos sucessivos são cultivados a partir da rebrota – a chamada soqueira. A cada nova soqueira que se desenvolve, as raízes mais velhas morrem e novas raízes são formadas. Também há a formação de novos perfilhos e a partir desses, a nova safra de cana-de-açúcar é colhida.

Após cada soqueira, ocorre uma gradativa redução na produtividade. Em alguns países asiáticos, em determinadas circunstâncias, devido a pressões significativas de inóculo e limitada disponibilidade de variedades adaptadas, a cultura é replantada a cada safra.

Operações de plantio

O plantio é uma operação importante e a sua eficiência determina o número de soqueiras a serem colhidas. A cana é cortada em seções de preferencialmente 30cm de comprimento, normalmente com três a quatro gemas.

0.07 Image PlantingEm alguns países a cana inteira é plantada. Os colmos são sobrepostos e plantados em sulcos de 15-30cm de profundidade. A densidade deve ser de 10.000 a 15.000 seções por ha, para que origine uma densidade ideal de plantas de 90.000-150.000 colmos/ha na colheita.

No passado, o espaçamento entre sulcos era normalmente em torno de 1,5m, porém há uma tendência de combinar o espaçamento com espaço entre as rodas dos maquinários, modificando para 1,8-1,9m, sem perdas na produtividade de cana. Isso ajuda a maximizar a produtividade e reduzir a compactação do solo, minimizando assim os danos à soqueira.  

Onde há problemas de alagamento, são usados drenos permanentes ou canteiros elevados. A qualidade dos toletes é importante e os produtores devem usar mudas livres de doenças e em boas condições com gemas sem danos. A cana usada para plantio é frequentemente produzida em áreas definidas da propriedade, onde um adequado controle de pragas e doenças é empregado, com bom fornecimento de nutrientes. Os facões para corte dos colmos devem ser desinfetados para minimizar a disseminação de doenças, como raquitismo da cana-de-açúcar, nas novas seções de colmos.

Manejo da Palha

0.09 Figure 6A palha forma uma espessa camada no solo após a colheita. Isso pode ter vantajoso para para supressão de plantas daninhas, preservação da umidade para as soqueiras e limitar da erosão. Normalmente, a maior parte da palha se decompõe durante o crescimento e antes da próxima colheita.

A mudança para o sistema de colheita mecanizada sem queima pode aumentar a produtividade, principalmente como resultado de melhoria na matéria orgânica do solo, no estado nutricional e estrutura do solo, aliada à redução na erosão, conservação de umidade e supressão de plantas daninhas. 

Resíduos industriais da cana-de-açúcar

Bagaço

O bagaço é o material fibroso que permanece após a moagem da cana-de-açúcar. Normalmente, para cada 10t de cana moída, entre 3-4t de bagaço úmido são produzidos. Esse material possui um alto teor de água, (em torno de 40 a 50%) e é armazenado antes do processamento. O bagaço está sendo cada vez mais usado para produzir energia com a queima, gerando eletricidade, mas também pode ser uma fonte de matéria orgânica quando retornado ao solo.

Cinzas e torta de filtro

As cinzas e tortas de filtro são também usados como fertilizantes. As cinzas das caldeiras são “raspadas” no moinho e a torta de filtro é o resíduo gerado após a clarificação do açúcar. A torta de filtro pode ser usada para condicionar aumento na matéria orgânica do solo e fornecer nutrientes. É frequentemente usada para compostagens junto com o bagaço.

0.13 Table 3 Nutrient Content of VinasseVinhaça

A vinhaça é um resíduo do processo de destilação do álcool. Contém altos níveis de matéria orgânica, potássio, cálcio e quantidades moderadas de nitrogênio e fósforo. Cuidados são necessários ao manejar a vinhaça, pois é um produto corrosivo. Em alguns países, a vinhaça é concentrada por evaporação, sendo chamada de vinhaça concentrada.

Os nutrientes aplicados por meio desses resíduos precisam ser levados em consideração ao definir os programas de adubação (Tabela 3) para cana-de-açúcar.