Aumentando a produtividade da soja

Altas produtividades são o objetivo de qualquer produtor. O potencial  produtivo das culturas é influenciado por diversos fatores agronômicos, como preparo do solo, controle de pragas e doenças, sistema de plantio, cultivares de alto potencial produtivo, e também fatores físicos e químicos  do solo. Nesse contexto  a nutrição de plantas torna-se imprescindível para o atingimento de altas produtividades.

Fatores que Influenciam a Produtividade

O rendimento da soja é determinado pelo peso e o número de grãos por planta e por unidade de área. Há muitos fatores que influenciam o número de vagens, o processo de floração, e o desenvolvimento reprodutivo da soja, processos estes que não são totalmente conhecidos.

A fase mais sensível no desenvolvimento das vagens está entre R1 e R6, quando a floração e abscisão floral ocorrem.

O número de sementes é diretamente influenciado pelo número de nós por planta, e as vagens em desenvolvimento a esses nós.

O n° de nós/planta também é influenciado pela densidade de plantas (plantas/m²), o n° de sementes/ vagem dificilmente pode ser influenciada por meio de práticas agrícolas.

Assim, o principal fator para o desenvolvimento de rendimento é um número elevado de nós e vagens na planta, o que pode ser alcançado pelo crescimento da planta ideal. Por isso, destaca-se a importância da nutrição adequada.

Nutrição de Cultura e Produtividade da Soja

Os nutrientes mais requeridos possuem funções específicas para alavancar maiores produtividades.

  • O nitrogênio é importante para assegurar altas produtividades. Ele impulsiona o crescimento vegetal e o desenvolvimento e precisa estar prontamente disponível.
  • O fósforo é particularmente importante para desenvolvimento radicular e para um bom estabelecimento da cultura.
  • O potássio, assim como o nitrogênio, também impulsiona o desenvolvimento da cultura, e grandes quantidades são extraídas durante o desenvolvimento da planta. O seu suprimento precisa ser balanceado ao longo do ciclo juntamente com o N. Uma boa nutrição com potássio pode também ajudar a minimizar os efeitos de geada e reduzir o acamamento. O potássio é importante para a regulação do fechamento de estômatos e baixos suprimentos podem resultar em perdas de água pela planta.
  • O magnésio, enxofre e o ferro aumentam a atividade fotossintética e mantém bom crescimento para altas produtividades.
  • O cálcio assegura bom fortalecimento das paredes celulares das plantas, protegendo raízes, folha e produção de colmos.
  • O boro é requerido para o desenvolvimento do tubo polínico e assegura boa frutificação.
  • O zinco é importante para atividade fotossintética.

A indisponibilidade de qualquer outro micronutriente pode também restringir processos de crescimento e a produtividade consequentemente.

Encontre as Orientações da Yara em Cada Tópico de Produtividade de soja