Resumo Nutricional - Tomate


 Macronutrientes

Exigências do Campo - Nitrogênio é necessário em estágios iniciais de desenvolvimento para incentivar a melhor forma para o desenvolvimento da planta. Exigência Peak é apenas antes da floração. Mais fósforo é necessário no início do desenvolvimento da planta para garantir um bom crescimento radicular e floração. O potássio é necessário em quantidade superior de nitrogênio. O cálcio também é necessário em quantidades relativamente grandes. Em muitas situações, não é tão importante como o nitrogênio. Mais de 60% de nitrogênio, fósforo e potássio absorvido pela planta, é utilizada pelo fruto.

Nitrogênio

O Nitrogênio é necessário em estágios iniciais de desenvolvimento para uma vigorosa emergência e desenvolvimento vegetal. O pico de absorção ocorre logo após o florescimento. O uso excessivo de nitrogênio pode produzir uma cultura muito vigorosa, com florescimento prejudicado e frutos excessivamente grandes. Em torno de 2,2 a 2,4 kg de nitrogênio são removidos para cada tonelada produzida.

Cálcio

O cálcio também é necessário em quantidades relativamente altas de aproximadamente 1,7 kg Ca/ton. Em muitas situações, ele é tão importante quanto o nitrogênio. O pico de absorção de cálcio ocorre a partir do florescimento, durante o desenvolvimento dos frutos até a colheita. Uma vez que apenas 5% do cálcio é encontrado nos frutos e 95% nas partes vegetativas da planta, a necessidade de cálcio também ocorre durante o crescimento vegetativo.

Potássio

O potássio é necessário em maiores quantidades que nitrogênio. A extração das plantas gira em torno de 2,6 a 3,6 kg K/ton de frutos com a maior demanda durante o enchimento de frutos. A adubação com potássio ocorre normalmente na base, seguida por aplicações regulares durante a estação de crescimento.   

Magnésio

No que se refere ao magnésio, as doses necessárias são menores que aquelas aplicadas de cálcio. As  plantas exigem  entre 0,3 e 0,6 kg de magnésio/ton, em aplicações divididas durante a estação de crescimento (Figuras 8 e 9). O pico de absorção de magnésio ocorre normalmente no florescimento.

Fósforo

A maior parte do fósforo é exigida no início do desenvolvimento das plantas para garantir um aadequado crescimento radicular e florescimento. As culturas precisam de 0,2 a 0,4 kg de fósforo/ton de frutos. 

Enxofre

O enxofre é necessário durante o período de crescimento, de maneira que as plantas de tomate extraem em torno de 0,6 kg de enxofre/ton de frutos produzidos. Todas as figuras de extração de nutrientes acima se referem à forma de enxofre elementar.

Micronutrientes

Enquanto teores muito baixos de micronutrientes são necessários para propiciar boa qualidade e produtividade do tomate, o correto balanço de micronutrientes é fundamental.

Boro

O boro é um dos micronutrientes chave. Ele possui efeito nas características de amadurecimento dos frutos. Isso é essencial para a integridade estrutural da planta e é importante para viabilidade do pólen, flor e desenvolvimento dos frutos. 

Zinco

O zinco é também um micronutriente chave. É importante para o desenvolvimento e função de reguladores de crescimento, como por exemplo as auxinas, que influenciam a elongação de internódios.