H2S em instalações industriais

Industrial Sites

Problemas com odor?! Você deve reagir!

Muitas plantas industriais têm potencial de liberação de sulfeto de hidrogênio de seu processo de produção ou usina de tratamento de afluentes. Isso leva a reclamações dos vizinhos próximos ao local, devido ao incômodo odor. Além disso, os funcionários no local estão expostos a um perigo traiçoeiro, pois o H2S é um gás tóxico.


Luta contra o H2S: centenas de instalações industriais já estão usando Nutriox®

A Yara já auxiliou muitos locais industriais na Europa e no mundo todo na luta contra o H2S. A Yara desenvolveu uma solução preventiva, o Nutriox, que contém nitratos que possuem ação preventiva e durável.

Nutriox: serviço completo, resultados comprovados, custos otimizados na luta contra o H2S

  • Seja responsável pelo seu consumo de Nutriox, enquanto previne a liberação de H2S: podemos implementar ferramentas em suas instalações que darão a você o controle sobre o consumo de produtos para evitar o H2S
  • Você possui todos os elementos nas mãos para controlar a injeção do produto e verificar, em tempo real, a eficácia do tratamento contra o sulfeto de hidrogênio.
  • Você pode alterar remotamente a dosagem e o consumo apenas para a quantidade realmente necessária.

As fábricas de papal produzem, às vezes, violações de odores que impactam diretamente a comunidade ao redor. Esse problema de odor é ligado comumente à liberação de H2S dos sistemas efluentes internos na usina. Ele também vem de odores emitidos por crescimento de bactérias na água de recirculação. De fato, a produção de polpa de celulose kraft exige o tratamento de lodos e efluentes antes que possam ser descarregados da usina.

O setor de celulose e papel produz uma quantidade significativa de efluente aquecido com matéria orgânica, o que cria um ambiente ideal para crescimento bacteriano. Esses lodos e efluentes em uma fábrica de celulose e papel pode liberar H2S, que é fonte de reclamações de odor advindas da comunidade que vive próxima às fábricas de celulose e papel.

Diversas fábricas de papel tratam o H2S com Nutriox

Desde 1991, a Yara, com o Nutriox, seu processo preventivo contra o H2S, vem ajudando diversas fábricas de celulose e papel em toda a Europa e no mundo a combater a liberação de sulfeto de hidrogênio e mercaptanas. O tratamento biológico com Nutriox combate o H2S para prevenir a liberação desse gás odorífero.

Mercaptanas: uma solução rápida e segura

Para evitar gases mal cheirosos nas usinas de tratamento de água residual e desidratação de lodo, a Yara oferece às WWTP e instalações industriais o Econox®, uma solução curativa rápida e eficiente contra o H2S e as mercaptanas. O Econox® é um potente agente oxidante. Seus ingredientes ativos já são usados com sucesso em aplicações ambientais, para água potável, água de superfície e tratamento do solo. O Econox® melhora a eficácia de floculantes para desidratação de lodo. Ele também precipita metais pesados e neutraliza outras substâncias como os fenóis.

Como o Econox age contra as mercaptanas?

Esse tratamento contra o H2S e os odores nas fábricas de celulose e papel cobre:

  • A rede de canos de lodo da fábrica
  • Os tanques de floculação
  • As prensas de filtragem
  • Os tanques de armazenamento de logo

Saiba mais sobre o Econox para o tratamento de mercaptanas nas fábricas de celulose e papel

O H2S é mais do que um problema de mau cheiro

Ele é também um gás tóxico contra o qual devemos proteger os funcionários que trabalham na fábrica.

Melhore seu consumo de produtos contra o H2S

O custo dessa solução depende da complexidade do problema em suas instalações. Nossos técnicos projetarão soluções personalizadas para atender seu problema. Essas soluções incluem ferramentas para controle da injeção do produto e verificação em tempo real da eficácia do tratamento contra o sulfeto de hidrogênio e mercaptanas. Assim, você pode alterar remotamente a dosagem e usar apenas o produto de que você realmente necessita.

Problemas de odor e a indústria alimentícia e de bebidas: o H2S pode ser a causa da mau cheiro

A maioria das indústrias alimentícias geram água residual com alto grau de matéria orgânica biodegradável. Os odores causados pelo efluente são um dos maiores problemas ambientais relacionados ao setor de alimentos e bebidas. O sulfeto de hidrogênio e as mercaptanas levam a odores que ocorrem particularmente em usinas industriais como:

  • Matadores
  • Usinas de processamento de alimentos
  • Fábricas de bebidas

Tais odores impactam diretamente a comunidade que vive próxima à fábrica. O odor incômodo pode estar relacionado à liberação de sulfeto de hidrogênio (H2S). Em matadores e fábricas que produzem alimentos enlatados e refeições prontas, os efluentes podem ser o motivo para o tratamento contra o H2S e os odores ser necessário.

Muitas fábricas de alimentos e bebidas tratam o H2S com Nutriox

Desde 1991, a Yara, com o Nutriox, seu processo preventivo contra o H2S, vem ajudando diversas fábricas de alimentos e bebidas na Europa e no mundo a combater a liberação de sulfeto de hidrogênio. O Nutriox é um tratamento biológico que combate o H2S para prevenir as liberações desse gás odorífero.

O H2S é mais do que um problema de mau cheiro

Ele é também um gás tóxico contra o qual devemos proteger os funcionários que trabalham na fábrica.

Melhore seu consumo de produtos contra o H2S

O custo dessa solução depende da complexidade do problema em suas instalações. Nossos técnicos projetarão soluções personalizadas para solucionar seu problema. Essas soluções incluem ferramentas para controle da injeção do produto e verificação em tempo real da eficácia do tratamento contra o sulfeto de hidrogênio e mercaptanas. Assim, você pode alterar remotamente a dosagem e usar apenas o produto de que você realmente necessita.

Resíduos de vinho por evaporação natural espalham-se muito, especialmente na região do Mediterrâneo. Os odores em tanques de evaporação natural podem resultar em um mau cheiro para a comunidade, exposta a um odor incômodo relacionado ao H2S. Devido à falta de oxigênio nestes recipientes, o sulfeto de hidrogênio desenvolve atividade microbiana neles. Os tratamentos curativos contra o H2S são pouco eficazes.

Em 2007, a Yara desenvolveu um processo preventivo com o INRA chamado Winox, alimenta os tanques com nitratos. A dosagem é feita de acordo com a taxa de fluxo e a carga presente no recipiente. Esse tratamento preventivo evita a formação de compostos mau cheirosos. Ele soluciona o problema do sulfeto de hidrogênio e do odor incômodo na fonte.

O Winox recebeu um prêmio no evento SITEVI em 2007.

H2S e refinarias

Odores e refinarias

O sulfeto de hidrogênio é um odor incômodo que você encontrará em refinarias petrolíferas, principalmente perto de:

  • Tanques nos terminais
  • Área de separação de água
  • Balastro de água
  • Tanques de água para prevenção de incêndio

Tratamento de H2S em refinarias com PetroCare

Desde 1991, a Yara, com seu processo preventivo de H2S desenvolveu, especificamente para atividades petrolíferas, o PetroCare, que ajudou diversas refinarias na luta contra as liberações de sulfeto de hidrogênio. O tratamento biológico do PetroCare combate o H2S para prevenir as liberações desse gás odorífero. O PetroCare também tem aplicação em campos petrolíferos em alto mar.

Para obter mais informações, visite nossa página sobre redução de acidificação em tanques

Mantenha seus custos operacionais contra o H2S sob controle: escolha o PetroCare

O custo dessa solução depende da complexidade do problema em suas instalações. Nossos técnicos projetarão soluções personalizadas para atender seu problema. Isso inclui ferramentas para controle da injeção do produto e verificação em tempo real da eficácia do tratamento contra o sulfeto de hidrogênio e mercaptanas. Assim, você pode alterar remotamente a dosagem e o consumo apenas para a quantidade realmente necessária.