Soluções para culturas

Citros

Funções do ferro na produção de citros

Na produção de citros, o ferro age como catalisador nas reações de oxidação/redução; auxilia na respiração; na fotossíntese; e na redução de nitrato e sulfato. O ferro também é um cofator para um grande número de enzimas.

Ferro e rendimento

Ferro e rendimento

A deficiência de ferro é comum e amplamente reconhecido. Os efeitos mais óbvios são restritas frutificação e redução do tamanho dos frutos. Isso resulta em um rendimento mais baixo, como você pode ver acontecendo com laranjas no Egito.

Ferro e rendimento

Ferro e produtividade

Testes no Egito mostram que o rendimento é reduzido quando o ferro é deficiente.

Aplicações no solo e foliares

Aplicação via solo

Ensaios com quelatos (China, laranjas de umbigo) confirma que as aplicações de solo são mais eficazes e dão respostas de rendimento maior do que aplicações foliares.

Ferro e SST

Ferro e SST

Ferro também tem um efeito direto sobre a qualidade da colheita, melhora os níveis de sólidos solúveis totais em laranjas e tangerinas, bem como aumentam a proporção SST/Acidez.

Ferro e SST em limões e limas

Ferro e SST

Em limões e limas o efeito é reduzir o teor de SST, aumentando assim a acidez dessas frutas.

Ferro e vitamina C

Ferro e vitamina C

Boa nutrição de ferro também aumenta o teor de ácido ascórbico de tangerinas e laranjas.

Efeito do ferro nos estádios de crescimento

Estádio

Efeito do ferro

Pegamento de frutos            

Para assegurar o rendimento e qualidade dos frutos pode-se aplicado em cada fluxo foliar

Pós colheita

Quando necessário aplicar no fluxo foliar pós colheita

Orientações Gerais para Aplicação de Ferro

A forma de ferro que é aplicado para corrigir qualquer deficiência é muito importante. Os quelatos são mais estáveis para diversos níveis de pH do solo e devem ser a forma preferida para corrigir deficiências anuais conhecidas, particularmente em solos calcários. Ensaios com quelatos confirmam que aplicações no solo são mais eficientes e propiciam maiores respostas em produtividade do que a aplicação via foliar.

Deficiências de Ferro em Citros

Os sintomas de clorose por falta de ferro aparecem primeiro em folhas jovens. Sob deficiência severa, as folhas quase se tornam brancas, ficam atrofiadas, e caem prematuramente. A deficiência de ferro é mais comum em solos alcalinos (alto pH), especialmente aqueles que possuem minerais de calcário nas camadas superficiais (Ex., Espanha e Austrália), solos alagados e aqueles com baixo teor de matéria orgânica (ex., banhados arenosos da Flórida).

A deficiência é melhor tratada pela aplicação no solo com quelatos de ferro. Pulverizações foliares são capazes de corrigir deficiências transitórias de ferro. Limões são mais sensíveis à deficiência de ferro do que laranjas e toranjas. Análises de tecido foliar devem ser feitas para checar possíveis deficiências.