Influenciando a produtividade através da manutenção de pH


Impacto da calagem sobre a produtividade

A manutenção de um nível adequado de pH no solo assegura disponibilidade de nutrientes e maximiza produtividade. Para a cultura da soja o pH ideal é  6. Em baixos valores de pH, são comuns problemas de toxidez por alumínio e, em algumas regiões, manganês, que reduzem o desenvolvimento de raízes e  o desenvolvimento das plantas. 

No Brasil, aumentos na produção de soja, em solos corrigidos têm sido demonstrados por seu efeito no aumento do pH , na redução de Al e Mn tóxicos, no aumento da absorção de N, P, K e S, e no fornecimento de Ca e Mg.

Impacto da calagem no crescimento radicular

O uso de calcário, para aumentar o pH do solo, e de gesso para melhorar a estrutura do solo e a saturação por cálcio, ajudam a incrementar a produtividade. O enxofre que o gesso adiciona, complexa o alumínio livre, reduzindo a toxidez para as plantas. 

Uma boa estrutura do solo é essencial para um bom desenvolvimento radicular e bom crescimento – o soja é sensível à compactação do solo. 
O espaçamento, a densidade das plantas e a rotação com outras culturas ajudam a incrementar a produtividade de soja pela diminuição nas doenças, pragas e incidência de plantas daninhas.

O controle de plantas daninhas é essencial para assegurar um bom início de desenvolvimento e o controle de pragas e doenças minimizam os danos às raízes e área foliar produtiva.