Requisitos do mercado da soja


Soja

Proteinas

Os ingredientes mais importantes na soja são as proteínas e o óleo. A quantidade de proteínas pode variar de 25% a 50%, sendo mais comum entre 30% e 40%. Já a quantidade de óleo varia de 13% a 25%, sendo que a variação para a soja do mercado de commodity é de 16% a 23%.

Quebra e matéria seca

Os requisitos de mercado para os centros de soja com relação à aparência física e ao conteúdo de matéria estranha também incluem a quebra dos grãos de soja. A quebra dos grãos aumenta a cada manipulação, principalmente em condições de baixa umidade. A matéria estranha afeta, de forma adversa, a armazenabilidade e a eficiência da aeração/secagem e se não for removida antes do processamento, afetará também a qualidade do óleo e da farinha de proteína.

Umidade

Em geral, a umidade não está entre os fatores determinantes da qualidade, mas é importante como informação para os controles oficiais. O monitoramento da umidade e do armazenamento é importante para a estocagem de longo prazo da soja. A faixa de umidade recomendada depende do uso final dos grãos. Abaixo de 11%, recomenda-se para uso direto em alimentos. Para extração de óleo, a faixa recomendada é de 12,5% a 14% para grãos a serem extraídos em um período de 12 meses.

Umidade acima de 13% não é recomendada, pois afetará a capacidade de armazenamento e geralmente resulta na perda da qualidade em um curto período de tempo. Se as condições climáticas no momento da colheita estiverem úmidas, as sementes recém-colhidas podem ter faixas de umidade entre 18% e 19% e é de grande importância que o processo de secagem seja iniciado imediatamente no local de armazenamento e concluído em poucos dias. Umidade acima de 14% pode formar um ambiente propício para o crescimento de fungos, como Aspergillus flavus, que tornam as sementes inutilizáveis.