Função dos nutrientes por estágio de crescimento do tomate


Estabelecimento

Estabelecimento

  • Nitrogênio e Potássio – promovem crescimento inicial vigoroso
  • Fósforo – maximiza o desenvolvimento radicular
  • Cálcio – impulsiona o crescimento de raízes e folhas
  • Boro, Zinco, Manganês e Molibdênio – asseguram o bom crescimento de área foliar

Crescimento Vegetativo

Crescimento vegetativo

  • Nitrogênio e Fósforo – asseguram a continuidade no crescimento
  • Potássio e Magnésio – maximizam as concentrações no tecido foliar antes do florescimento
  • Cálcio e Enxofre – mantém crescimento vigoroso da planta
  • Boro, Zinco, Manganês e Molibdênio –asseguram que não ocorra limitação no crescimento

Florescimento - Frutificação

Florescimento

  • Nitrogênio e Potássio – mantém o crescimento e maximizam o número de flores
  • Fósforo – importante para o desenvolvimento dos frutos
  • Cálcio – maximizam o desenvolvimento reprodutivo da cultura
  • Magnésio – melhora o florescimento e produção da cultura (a máxima exigência ocorre nesse estágio)
  • Boro e Zinco – maximizam o pegamento das flores, desenvolvimento e frutificação

Maturação dos Frutos

Maturação dos frutos

  • Nitrogênio – em quantidades reduzidas para manter o enchimento dos frutos
  • Fósforo – impulsiona a qualidade nutricional do tomate
  • Potássio – maximiza altos níveis de potássio nos frutos e minimiza desordens
  • Cálcio – mantém boa firmeza e qualidade dos frutos e reduz riscos de podridão apical
  • Magnésio – a máxima exigência ocorre nesse estágio para proporcionar boa qualidade na produção de frutos
  • Boro e Zinco – asseguram o amadurecimento uniforme